“É no campo da vida que se esconde um tesouro.

Vale mais que o ouro, mais que a prata que brilha.

É presente de Deus, é o céu já aqui, o amor mora ali e se chama família.”

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

5

Classificação Paralisia Cerebral

Terceiro dia do antibiótio intramuscular.
Ceftiaxona sódica dói pra CARAMBA!!!
Cacá chora sempre que a "tia Ana" (enfermeira) chega perto.
Olhei pra ela e falei: "Calmá Cá... faltam só dois dias".
Que só, meu Deus!
Ai se eu pudesse trocar de lugar com ela...
Mas hoje ela já está com a carinha bem melhor e também já conseguiu ir para a cadeira.

Aos amigos leitores do blog, gostaria de fazer um pedido!
A amiga Meri Rocha- Curitiba, mãe do Nicholas está precisando URGENTE do Isosource Standard ou ACTIVE.
Caso alguém conheça esse leite e queira doar, ela agradece desde já!

E para terminar o post de hoje, gostaria de esclarecer uma dúvida de uma leitora do blog que me mandou um e-mail me perguntado se todas as crianças com PC são iguais:
Aqui, tenho uma classificação SIMPLES sobre Paralisia Cerebral.

Boa leitura!


 Classificação Paralisia Cerebral

São definidas de acordo com as classificações que definem os tipos de Paralisia Cerebral.

Para essa classificação leva-se em conta o tipo de envolvimento neuro-muscular, os membros atingidos por este comprometimento e o grau de comprometimento motor.


De acordo com estes tipos de envolvimento neuro-muscular os autores citam categorias como:


-espasticidade

-atetose ou coreoatetose
-atáxia


Característica de criança espástica:

-Apresenta um tônus que é predominantemente alto
-movimentação é restrita em amplitude e é feita com grande esforço.

Característica criança atetóide:

-Apresenta sempre um tônus muscular instável eflutuante
-Aparecem movimentos involuntários e incoordenados que dificulta a atividade voluntária
-São características as trocas bruscas de tônus muscular, passando de um tônus diminuído ou normal á hipertonia ou vice-versa.

Característica criança atáxica:

-transtornos de equilíbrio
-hipotonia muscular
-incoordenação motora em atividades musculares voluntárias.

De acordo com os membros atingidos pelo comprometimento neuro-muscular podemos ter:


Grupo das displegias: Onde as crianças apresentam um comprometimento maior das extremidades inferiores.


Grupo das quadriplegias: Apresentam um comprometimento do corpo todo.


Grupo das hemiplegias: Apresentam um (lado) do corpo comprometido.


Já de acordo com o grau de incapacidade podemos ter:

-leve
-moderado
-severo



 

5 comentários:

  1. OI VAL QUERIDA TUDO BEM???

    ANDA SUMIDA LA NO MEU BLOG...SENTI SAUDADES DA SUA VISITINHA :)


    PASSEI PRA DAR UMA OLHADINHA E ADOREI O NOVO VISUAL DO BLOG...FICOU LINDO;;..


    ESPERO Q CAMILINHA ESTEJA MELHOR

    BJOS PRAS DUAS
    FIQUEM COM DEUS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi flor, td bem?
      Passo sempre por lá, só não comentei... mas vou comentar!
      Prometo!!!
      Bj nas duas

      Excluir
  2. Amiga tenho 24 latas para doação, entre em contato com esta mãe...bjussssssssss

    ResponderExcluir
  3. Sistema de Comunicação Multiplataforma totalmente grátis. Idiomas:Português, Inglês, Chinês, Alemão, Francês, Espanhol.

    http://facebook.com/projetobia
    http://cm-castrodaire.pt/bia

    ResponderExcluir